Obra Social Dom Bosco discute violência doméstica em 2ª Semana da Mulher

Para comemorar o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, a Obra Social Dom Bosco realizou, entre os dias 5 e 7, a 2ª Semana da Mulher. O tema principal da segunda edição do evento foi a violência doméstica.

As atividades aconteceram nos núcleos onde funcionam os Centros da Criança e Adolescente (CCAs) São José e Bom Pastor.

As palestras foram assistidas pelas mães de educandos dos CCAs, moradoras da região, além dos educandos dos cursos profissionalizantes do Cedesp (Centro de Desenvolvimento Social e Produtivo) e participantes do Núcleo de Convívio de Idosos.

No dia 5, as promotoras legais de São Mateus visitaram o CCA São José para falar dos efeitos da violência e no CCA Bom Pastor, voluntárias do Hospital Santa Marcelina deram orientações para prevenção do Câncer de Mama.

Dia 6, a Dra. Maria Raquel Coreggio, delegada da 5ª Delegacia da Mulher, explicou para as mulheres presentes quais são seus direitos, incluindo medidas protetivas, que evitam o acontecimento de agressões e reforçou que é importante elas procurarem a Delegacia da Mulher.

Segundo dados da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, desde a promulgação da Lei Maria da Penha, em 2006, o número de denúncias cresceu 600%.

A palestra do dia 7 foi realizada pela equipe do Centro de Referência da Mulher Maria da Penha de Itaquera, que explicou os tipos de violência pelos quais as mulheres são submetidas, desde a psicológica até a física, e apresentou como funciona o ciclo de violência contra a mulher.

Como encerramento da semana, as mulheres foram homenageadas pelo cantor católico João Paulo, que contou músicas com a temática feminina e também participaram de um sorteio de prêmios.

QUALIFIQUE-SE!

Faça gratuitamente um curso profissionalizante na Dom Bosco.

 

Cursos...